Notícias

Esse canal é atualizado de acordo com a demanda. Nele você encontra notícias sobre a empresa e os boletins enviados para a imprensa.

Assessoria de Imprensa:
Ana Gabriela Abreu - (38) 3729.6600
comunicacao@eco135.com.br

Eco135 ministra palestra sobre Inclusão e Desenvolvimento de Pessoas Trans no Mercado de Trabalho

Publicado em 04 de jul de 2022 às 18:00

Uma das ações do grupo EcoRodovias é custear o processo para retificação do nome e gênero de colaboradores transgêneros

 

No dia do Orgulho LGBTQIAP+, comemorado ontem (28), a coordenadora de Arrecadação da Eco135, Tábata Galves, foi convidada pela Prefeitura Municipal de Curvelo para ministrar a palestra sobre Inclusão e Desenvolvimento de Pessoas Trans no Mercado de Trabalho. Entre os assuntos, foi destacado a nova proposta do grupo EcoRodovias em custear todo o processo de retificação de nome e gênero dos colaboradores trans, mentorias direcionadas para público LGBTQIAP+ e temas relacionados a contratação e gestão da vulnerabilidade em pessoas trans.

 

De acordo a subsecretária de Políticas Sociais e Desenvolvimento Sustentável, Ivene Pacheco, o objetivo do evento foi promover a humanização e principalmente o respeito aos direitos da comunidade LGBTQIAP+. As palestras foram voltadas para orientar e estimular as pessoas a expressarem suas identidades para serem quem realmente são.

 

Na palestra sobre “Inclusão e Desenvolvimento de Pessoas Trans no Mercado de Trabalho”, a coordenadora de Arrecadação da Eco135 e membro do Comitê da diversidade, Tábata Galves, relatou sobre as atividades do grupo EcoRodovias na promoção da diversidade e da ação ofertada aos colaboradores trans no último mês.

 

Além do EcoPride e do Programa Caminhos para Todos, o Grupo EcoRodovias ainda realiza um trabalho de conscientização das lideranças. “O gestor tem que estar preparado para entender além do óbvio. Ele precisa estar preparado para toda a inclusão que a pessoa sofreu a vida inteira”, comenta Tábata.

 

Atualmente, 16 colaboradores declaradamente trans integram o quadro da EcoRodovias, 6 deles na Eco135.  A concessionária busca proporcionar um ambiente acolhedor e com condições para que todos os colaboradores possam desenvolver plenamente seus potenciais. “O que coloca um transgênero no armário é a supressão do direito de existir. Tudo melhora quando você permite que as pessoas sejam quem elas são. Pessoas felizes e livres produzem mais, são mais criativas e engajadas, e desenvolvem todo o seu potencial no trabalho”, analisa a coordenadora.

 

Quem se surpreendeu com a oportunidade na Eco135 foi a Bianka Asca Rosa da Fonseca, como operadora do Centro de Controle Operacional da concessionária. “A Eco135 é a primeira empresa que trabalho como CLT, sempre ocupei vagas no funcionalismo público porque eu pensava ‘se eu passar no concurso, eles vão ter que me aceitar’. Infelizmente o mercado de trabalho para trans ainda é muito fechado. Chegar na Eco foi super acolhedor. Sou tratada como a profissional que sou, como a Bianka e ponto”, comemora.

 

Outro exemplo é a operadora de pedágio da concessionária Eco135, Gyovanna Costa de Lima. “Eu jamais poderia imaginar que aqui na minha cidade, por ser pequena, teria uma empresa que contrataria uma mulher trans”.

 

Retificação de nome

A partir deste mês, passa a valer em todo o Grupo EcoRodovias, o custeio do processo de retificação de nome e gênero em cartório e da documentação oficial para os colaboradores transgêneros que desejam a alteração, além de todo o suporte na burocracia que envolve o processo. Para facilitar a EcoRodovias contratou uma consultoria especializada que dará apoio aos colaboradores em todas as etapas. Inclusive, os colaboradores já contam com apoio psicológico por meio do programa Conte Comigo.

  

Todo o processo além de demorado é muito caro. Gyovana iniciou a mudança do nome no final de 2017, mas só concluí em 2019 com o apoio de um centro de apoio LGBT, “Os advogados tiraram para mim todas as certidões que eram necessárias. Acho que toda trans tem vontade de retificar o nome, mas a burocracia faz com que a pessoa desista. A satisfação de ser chamada pela minha identidade é imensa”, comenta.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------

Sobre a Eco135 - A Eco135 administra os trechos das rodovias BR-135, MG-231 e LMG-754. São 363,95 quilômetros de extensão, a partir da BR-040, nas proximidades de Curvelo até o município de Montes Claros. Para mais informações www.eco135.com.br

Sobre a EcoRodovias - A EcoRodovias é uma das maiores empresas de infraestrutura rodoviária do Brasil. Ao longo dos últimos 20 anos, expandiu sua presença em corredores rodoviários de importação e exportação, bem como relevantes eixos turísticos do país. Atualmente, administra nove concessões de rodovias que somam mais de 3 mil quilômetros de extensão em oito estados nas regiões Sul, Sudeste, Centro-Oeste e Nordeste. Além disso, gerencia dois ativos logísticos - um pátio regulador e um terminal portuário - que atendem ao Porto de Santos, o maior do Brasil. Para mais informações: www.ecorodovias.com.br.